Nossas Escolhas e Suas Consequências (Versão Editada)


Todas as Escolhas que nós fazemos geram consequências. Para nossas vidas, as de nossas famílias, e ainda de todo o mundo. Fazer a escolha certa é essencial para trilhar um caminho de paz e alcançar a salvação. Fazer a escolha certa é uma tarefa diária, e devemos vigiar em todo o tempo para não deixarmos de escolher o caminho que Deus preparou para nós.

Texto base:
“Porque este mandamento, que hoje te ordeno, não te é encoberto, e tampouco está longe de ti. Não está nos céus, para dizeres: Quem subirá por nós aos céus, que no-lo traga, e no-lo faça ouvir, para que o cumpramos? Nem tampouco está além do mar, para dizeres: Quem passará por nós além do mar, para que no-lo traga, e no-lo faça ouvir, para que o cumpramos? Porque esta palavra está mui perto de ti, na tua boca, e no teu coração, para a cumprires. Vês aqui, hoje te tenho proposto a vida e o bem, e a morte e o mal; Porquanto te ordeno hoje que ames ao SENHOR teu Deus, que andes nos seus caminhos, e que guardes os seus mandamentos, e os seus estatutos, e os seus juízos, para que vivas, e te multipliques, e o SENHOR teu Deus te abençoe na terra a qual entras a possuir. Porém se o teu coração se desviar, e não quiseres dar ouvidos, e fores seduzido para te inclinares a outros deuses, e os servires, então eu vos declaro hoje que, certamente, perecereis; não prolongareis os dias na terra a que vais, passando o Jordão, para que, entrando nela, a possuas; os céus e a terra tomo hoje por testemunhas contra vós, de que te tenho proposto a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe pois a vida, para que vivas, tu e a tua descendência, amando ao SENHOR teu Deus, dando ouvidos à sua voz, e achegando-te a ele; pois ele é a tua vida, e o prolongamento dos teus dias; para que fiques na terra que o SENHOR jurou a teus pais, a Abraão, a Isaque, e a Jacó, que lhes havia de dar.”
Deuteronômio 30.11-20

Benção x Maldição

      A bênção e a maldição estão ambas ao nosso alcance. É uma questão de escolha. Através de Moisés, Deus instruiu o povo, afirmando que o Seu mandamento não é algo impossível de ser feito: obediência. Vida ou morte, benção ou maldição – estas antíteses podem ser substituídas por uma outra: obediência ou desobediência. É uma questão de escolha.
      Deus colocou diante do povo a bênção, que seria alcançada tão somente eles fossem obedientes. E por meio da benção viria a vida. Deus colocou diante do povo também a maldição, que chegaria caso houvesse desobediência, e traria consigo a morte. Ou seja, a obediência gera a vida enquanto a desobediência gera a morte. E é simplesmente uma questão de escolha.
      Entretanto, as escolhas que nós fazemos não trazem conseqüências somente para nossas vidas. Logo, nossas escolhas não vão gerar vida ou morte somente para nós, mas alcançarão as pessoas que estão ao nosso redor, e ainda podem ir mais longe, alcançando pessoas desconhecidas. Se levarmos vida para essas pessoas, estamos então cumprindo nosso papel de evangelizar. Porém, se levarmos a morte, o sangue deles nos será cobrado.

“Mas, se quando o atalaia vir que vem a espada, e não tocar a trombeta, e não for avisado o povo, e a espada vier, e levar uma vida dentre eles, este tal foi levado na sua iniqüidade, porém o seu sangue requererei da mão do atalaia.”
Ezequiel 33.6

      Cabe a cada um de nós escolher. E esta escolha é uma tarefa diária. Porque, a todo momento somos tentados, somos provados, e precisamos decidir para qual lado vamos. Precisamos decidir se ficaremos do lado de Deus, ou seguiremos após o pecado.

“Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: Ao que vencer, dar-lhe-ei a comer da árvore da vida, que está no meio do paraíso de Deus.”
Apocalipse 2.7

“Bem aventurados aqueles que guardam os seus mandamentos, para que tenham direito à [árvore da vida], e possam entrar na cidade pelas portas.”
Apocalipse 22.14

      Deus tem reservado para aqueles que permanecem firmes até o final, e guardam seus mandamentos, a melhor recompensa. O fruto da árvore da vida é a vida eterna. Mas somente os obedientes, aqueles que vencerão e guardarão os mandamentos terão direito a comer deste fruto.

Pessoas Que Fizeram A Escolha Errada E Pessoas que Fizeram A Escolha Certa Na Bíblia

      Apesar da advertência de Deus, há inúmeros casos de pessoas que escolheram desobedecê-Lo. Pessoas que conviviam ou conheciam o Senhor. Não eram pessoas de outros povos, mas sim aquelas que o serviam. Há também casos de pessoas que fizeram a escolha certa. Vamos comparar os casos seguintes: